segunda-feira, 24 de fevereiro de 2020

Acordos sexuais


ACORDOS SEXUAIS
              É fundamental falar sobre sexo e sexualidade com seu parceiro e alinhar o que cabe dentro dessa relação.
              Os combinados sobre sexo devem ser bem refletidos.
              Existem casais que praticam sexo a 3 ou mais pessoas, mas estão de comum acordo com essa situação.
              Jamais aceite o que não quer para agradar o parceiro, não se machuque emocionalmente, aceite seus desejos e limitações, escute seu coração e vontade.
              Isso só afasta o casal, não se deve ter imposições.
              Por isso, que quando a qualidade sexual do seu relacionamento não está lhe agradando, foge do que realmente quer para si.
              Lute pelo que quer e faça somente o que deseja.
Paula Espíndola
#sexualidade #vidasexual #paulaespindolapsicologa #insightpsique

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020

Como melhorar o relacionamento que esfriou?


COMO MELHORAR O RELACIONAMENTO QUE ESFRIOU?
              O ideal é estar sempre investindo na qualidade do seu relacionamento para que não venha a ter esse esfriamento.
              Embora a maioria dos casais sentem que com o decorrer do tempo esfriar a relação.
              Esse esfriamento conjugal pode ser decorrente de alguns pontos que devem ser bem analisados, que são:
·       Falta de dedicação e atenção para o parceiro;
·       Parar de admirar o parceiro, ou seja, mesmo admirando não falar mais como antes;
·       Deixar a rotina desgastante prejudicar a relação;
·       Investir mais nas amizades e trabalho, deixando o parceiro de lado;
·       Uso excessivo de celular e redes sociais na presença do parceiro;
·       Críticas excessivas;
·       Desistir de agradar e surpreender o parceiro;
·       Perda da libido sexual.
Identifique o que está levando a esse esfriamento e reverta o quanto antes.
Para reverter essa situação será importante ter investimento e dedicação necessária nessa relação.
Paula Espíndola
#relacionamento #esfriamentoconjugal #rotina #paulaespindolapsicologa @insightpsique

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

Sexualidade - LIVE 61


Compulsão sexual


COMPULSÃO SEXUAL
              A compulsão sexual desencadeia uma necessidade excessiva de estimulação e fantasia.
              Esse tipo de compulsivo está sempre com pensamentos, desejos sexuais e uma vontade fora do controle.
              Essa compulsão exageradamente pode desencadear um transtorno hiper sexualidade no homem. Já na mulher é conhecido como ninfomania.
              Para reconhecer essa compulsão sexual deve-se estar atento a alguns comportamentos como:
·       Masturbação excessiva;
·       Uso frequente de recursos contendo pornografia;
·       Necessidades de vários parceiros ao mesmo tempo.
A compulsão sexual pode gerar crises de ansiedade e até desencadear transtorno obsessivo compulsivo.
Para lidar com essa situação deve-se:
·       Reconhecer essa compulsão e vontade excessiva;
·       Acompanhamento psicológico e psiquiátrico.
Procure acompanhamento o mais rápido possível.
Paula Espíndola
#compulsãosexual #compulsivo #transtornoobsessivocompulsivo #paulaespindolapsicologa #insightpsique

Compulsão sexual


Dentro de 4 paredes há limites?


DENTRO DE 4 PAREDES HÁ LIMITES?
              O limite está nos acordos e combinados que o casal faz, por isso é fundamental conversar sobre sexo e a sexualidade do casal.
              Dentro de 4 paredes pode ocorrer tudo que o casal queira, deseja e esteja preparado para essa entrega.
              É evidente que ambos devem estar conscientes e de comum acordo para que não haja ressentimento e frustração.
              Jamais faça algo que não está de acordo, simplesmente para agradar o parceiro, porque assim negligenciará seus desejos, princípios, fantasias e principalmente os seus sentimentos.
Paula Espíndola
#dentro4paredes #sexualidade #sexo #paulaespindolapsicologa #insightpsique

terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

Aqueça a relação


AQUEÇA A SUA RELAÇÃO
              Quando o casal está separado e resolve retomar o relacionamento, deve-se estar convicto da sua decisão para que não ocorra arrependimento.
              Essa reconciliação tem que ser bem conversada, fazerem novos acordos e deixar o que aconteceu no passado, pois de nada adianta retomar a união sem ressignificar essa história.
              Proponha um diálogo sincero e refaçam combinados para essa relação, conversem sobre tudo que lhe incomoda, inclusive falem sobre sexo e depois dessa conversa, vire a página do passado e pense daqui para frente.
              Se acredita nessa reconciliação, lute e invista para isso.
              Aproveite esse momento e aqueça a sua relação.
Paula Espíndola
#aquecer #relação #sexualidade #paulaespindolapsicologa #insightpsique

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2020

Eu me aceito e mereço ser feliz


EU ME ACEITO E MEREÇO SER FELIZ
              É fundamental saber que mesmo tendo vivenciado um relacionamento abusivo é possível se reconstruir após esse sofrimento.
              Para isso, o primeiro passo é aprender com essas dores e ressignificar essa história dentro de si mesmo.
              Trabalhe sua resiliência, aprenda com seus erros e atitudes intempestivas para que não repita os mesmos erros.
              O importante é acreditar que podemos e temos a obrigação consigo mesmo de sermos felizes.
              Não adie sua felicidade, corra atrás de seus objetivos e curta cada vitória, mesmo que pareça algo muito pequeno ou insignificante.
Paula Espíndola
#felicidade #serfeliz #resiliencia #paulaespindolapsicologa #insightpsique

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2020

Traição e dificuldades nos relacionamentos - LIVE 60


Fui traída e agora o relacionamento acabou


FUI TRAÍDA E AGORA ACABOU O RELACIONAMENTO
              Para muitos, a traição já faz parte da sua história pessoal, pois não conseguem ficar somente com uma pessoa.
              Dê tempo ao tempo, aproveite esse luto do relacionamento para avaliar o que não foi bom nesse relacionamento e o que não quer mais para si.
              Apenas se relacione com outra pessoa, quando estiver preparada psicologicamente para uma nova história, pois quando não incorporamos esse luto, temos a sensação de que todos são iguais e que todos farão você sofrer.
              Em uma nova relação, imponha seus limites desde o início e acredite que nenhum é igual ao outro.
              Afinal, estamos nessa vida para sermos felizes.
Paula Espíndola
#traição #fuitraida #luto #paulaespindolapsicologa #insightpsique

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2020

Traição


Será que devo permanecer nesse relacionamento?


SERÁ QUE DEVO PERMANECER NESSE RELACIONAMENTO?
              O primeiro ponto para refletir é: Você está feliz em seu relacionamento?
              Acredita que as atitudes e comportamentos que lhe incomodam do seu parceiro mudarão? Reflita!
              O diálogo entre o casal deve ser constante e produtivo.
              Quando se tem um diálogo passivo, onde só uma das partes fala e o outro só escuta, gera sentimento de insegurança e medo.
              Já o diálogo agressivo, blinda o outro de realmente escutar o que está sendo dito.
              Avalie seu relacionamento sem a interferência de nenhum familiar, afinal quem conviverá com o parceiro será você mesmo.
              Proponha um diálogo, começando a falar de seus sentimentos e como se sente quando ele tem essa postura.
              Cabe a você, avaliar se quer realmente permanecer nesse relacionamento.
              Reflita bem e tome a melhor decisão.
Paula Espíndola
#relacionamentoamoroso #dialogo #falarescutar #paulaespindolapsicologa #insightpsique

terça-feira, 11 de fevereiro de 2020

Ressignifique sua história


RESSIGNIFIQUE SUA HISTÓRIA
              A separação do casal mexe muito com os sentimentos de ambos e é muito doloroso quando uma das partes se sente rejeitada e trocada por outra pessoa.
              O sofrimento decorrente dessa separação será inevitável, mas levará a um amadurecimento emocional e consequentemente ao crescimento pessoal.
              Com o passar do tempo, alguns casais resolvem tentar novamente uma retomada desse relacionamento, mas para isso será fundamental ressignificar essa história e seguir com essa relação daqui para frente, sem ataques das lembranças do passado.
              Por isso que a pessoa precisa estar convicta da sua decisão de retomar essa união.
              Usufrua da maturidade emocional e tome sua melhor decisão.
              Lembre-se que temos que lutar pela nossa felicidade.
#ressignificar #felicidade #separação #paulaespindolapsicologa #insightpsique

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2020

Mais relatos de relacionamentos


Traí e me arrependi! E agora?


TRAÍ E ME ARREPENDI! E AGORA?
              Algumas pessoas traem por impulso e depois se arrependem, mas também existem pessoas que não aceitam o fato de serem traídas.
              E como lidar com isso?
              Analise todo seu relacionamento e veja quais foram os motivos que o levaram a trair.
              Por que seu relacionamento deixou espaço para essa traição?
              Proponha um encontro em um lugar neutro, sem interferência de outras pessoas que vocês conheçam, somente os dois.
              Nesse encontro fale de seus sentimentos, como está se sentindo com esse afastamento, mas seja realmente sincero.
              Lembrando que para essa reconquista, ambos têm que quererem e estarem dispostos a deixar o passado para trás, pois nada adiantará retomar essa situação se a outra parte não estiver preparada para isso pois a todo momento lembrará dessa traição. Pense nisso!
Paula Espíndola
#traição #arrependimento #relacionamentospsicologia #paulaespindolapsicologa #insightpsique


sábado, 8 de fevereiro de 2020

Evitando o relacionamento abusivo


EVITANDO O RELACIONAMENTO ABUSIVO
              O relacionamento abusivo traz muitos prejuízos a saúde mental e emocional da vítima.
              O fato do abusador voltar atrás da vítima, dependerá muito dos traços de personalidade desse abusador, mas o que realmente importa é a vítima estar convicta da sua decisão de se afastar totalmente desses abusos.
              Para evitar recaídas deve-se:
·       Estar bem consigo mesmo para não cair em novas ciladas;
·       Duvide de mudanças repentinas;
·       Investir em sua autoestima;
·       Fique longe de pessoas que não te façam bem;
·       Dedique-se a si próprio, amigos e familiares;
·       Cuide de si mesmo, faça atividades que lhe dê prazer por mais difícil que seja esse momento;
·       Permita-se viver as suas emoções, chore, mas estabeleça um prazo para esse sofrimento;
·       Procure ajuda psicológica para superar essa fase tão difícil.
Lembre-se que você é a pessoa mais importante da sua vida.
Paula Espíndola
#relacionamentoabusivo #abuso #paulaespindolapsicologa #insightpsique

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2020

Depressão


DEPRESSÃO
              A depressão é uma tristeza crônica, que começa silenciosamente. Apresenta como principais características:
·       Perda da vitalidade;
·       Falta de prazer;
·       Perda de sentido;
·       Falta de engajamento social.
É um distúrbio afetivo que se caracteriza por uma tristeza profunda, intensa e de longa duração.
Para prevenir a depressão será fundamental:
·       Estar bem consigo mesmo;
·       Ocupar seu tempo ocioso;
·       Fazer atividades físicas;
·       Gerenciar seu estresse e ansiedade.
Para tratar a depressão será necessário:
·       Ter acompanhamento psiquiátrico para avaliar qual a melhor medicação;
·       Ter acompanhamento psicológico para que a pessoa consiga aos poucos lidar com as causas da depressão;
·       Fazer atividades físicas;
·       Ir em busca de atividades prazerosas, mesmo que não tenha vontade para isso.
Lembre-se de procurar psicoterapia em casos de depressão.
Paula Espíndola
#depressão #pânico #paulaespindolapsicologa #insightpsique

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2020

Vamos conversar sobre relacionamentos?


Ansiedade


ANSIEDADE
              A ansiedade é um sentimento constante de preocupação, sensações de agitação e angústia, excesso de agonia e aflição, medo por um perigo antecipado, causando desconforto físico e psíquico.
              Aqui vão algumas dicas para controlar a ansiedade:
·       Reconhecer a ansiedade desde o início;
·       Fazer exercícios para controle da respiração;
·       Fazer atividades físicas, ocupando tempo ocioso;
·       Manter a tranquilidade;
·       Evitar comportamentos destrutivos;
·       Expor seus sentimentos e emoções.
Quando ansiedade começa a atrapalhar a sua rotina é fundamental procurar psicoterapia, pois ansiedade em excesso pode levar a vários transtornos de ansiedade, como por exemplo:
·       Transtorno do pânico;
·       Transtorno de ansiedade generalizada;
·       Transtornos fóbicos;
·       Transtorno de estresse pós-traumático;
·       Transtorno obsessivo compulsivo.
Então fique atento a sua ansiedade.
Paula Espíndola
#ansiedade #transtornosdeansiedade #relacionamentospsicologia #paulaespindolapsicologa #insightpsique

Ansiedade e depressão


quarta-feira, 5 de fevereiro de 2020

Dialogando o parceiro


DIALOGANDO COM O PARCEIRO
              O diálogo é o ponto mais importante em um relacionamento, pois ajustamos o que precisa ser melhorado.
              Esse diálogo deve ser de maneira assertiva, onde existe uma troca, a fala e a escuta.
              Evite diálogo passivo, onde só escuta o outro e o diálogo agressivo, onde sempre tem ataques e julgamentos.
              Então vou dar algumas estratégias para se ter um bom diálogo entre o casal:
·       Estimule sempre o diálogo com seu parceiro;
·       Fale com tranquilidade, sem impor a sua opinião;
·       Fique atento na comunicação não-verbal, ou seja, em seus gestos e expressões;
·       Não use discurso destrutivo, fale sem críticas e sem bombardeios;
·       Aprenda e treine a sua escuta;
·       Proponha conversas produtivas;
·       Exponha seus sentimentos, desejos, ideias e angústias.
Proponha esse diálogo e caso não tenha sucesso por não conseguir essa conversa produtiva, sugira a terapia de casal.
Paula Espíndola
#dialogo #terapiadecasal #relacionamentospsicologia #paulaespindolapsicologa #insightpsique

terça-feira, 4 de fevereiro de 2020

"Pare de pisar em ovos" Reflexão do livro


Dificuldades no relacionamento


DIFICULDADES NO RELACIONAMENTO
              Todo relacionamento passa por dificuldades, o que muda é a maneira como o casal lida com os conflitos.
              Muitos casais que passam por dificuldades demonstram uma fragilidade emocional, que desgasta a relação e quando esse relacionamento já não anda muito bem, surge aquela sensação de que já não o ama mais, ou seja, duvida do amor nessa relação.
              É fundamental, sempre analisar o que realmente deseja, expor seus sentimentos, tomar sua decisão e ser firme em sua escolha.
              Afinal estamos nessa vida para sermos felizes.
Paula Espíndola
#dificuldade #relacionamentoamoroso #paulaespindolapsicologa #insightpsique

Relatos de relacionamentos


segunda-feira, 3 de fevereiro de 2020

Autoconfiança


AUTOCONFIANÇA
              Como amar alguém sem se amar? É primordial antes de amar alguém, amar a si mesmo e investir em seu amor-próprio.
              Um ponto importante que prejudica qualquer relacionamento é a insegurança r falta de confiança.
              Lembrando que a autoconfiança está interligada com a confiança no outro. Aprenda a confiar nos demais.
              A desconfiança sem fundamento, demonstra a sua insegurança, baixa autoestima e falta de autoconfiança, levando-o a ver o que não existe de fato.
              Fica difícil confiar nos outros se não confiamos em nós mesmos.
Paula Espíndola
#confiança #autoconfiança #relacionamentospsicologia #paulaespindolapsicologa #insightpsique

sábado, 1 de fevereiro de 2020

Adquirindo autoconhecimento


ADQUIRINDO AUTOCONHECIMENTO
              Para tomar decisões assertivas é muito importante investir em seu autoconhecimento, assim se conhecendo saberá como direcionar suas metas e objetivos.
              Aqui vão algumas dicas para adquirir seu autoconhecimento:
·       Analise suas ações e reações;
·       Observe o que te faz feliz;
·       Analise o que pensa de si próprio e o que os outros pensam de você;
·       Reconheça sem medo, seus pontos positivos e negativos;
·       Trabalhe sua autoestima;
·       Faça constantemente autorreflexão;
·       Estabeleça seus objetivos e consequentemente suas metas a serem seguidas;
·       Aprofunde-se no tema sobre autoconhecimento, leia mais e pesquise sobre o assunto;
·       Analise seus pensamentos e emoções;
·       Pratique atividades prazerosas;
·       Converse consigo mesmo diariamente;
·       Aprenda a escrever sobre suas emoções.
É fundamental ressaltar a importância da psicoterapia nesse processo de autoconhecimento.
Paula Espíndola
#autoconhecimento #reflexão #autoestima #paulaespindolapsicologa #insightpsique