sexta-feira, 29 de maio de 2020

14 - CARTA PARA PSICÓLOGA


Características de pais abusivos


CARACTERÍSTICAS DE PAIS ABUSIVOS
              Geralmente, os pais abusivos trazem traumas do passado pela educação recebida, por estresse e pressão sofridas em seu cotidiano e muitas vezes querem preencher seu próprio vazio interno, depositando suas conquistas no outro.
              Reconheça algumas características dos pais abusivos, que são:
·       Uso de ameaça;
·       Imposição de regras;
·       Controle excessivo, fora do comum, dos amigos, dos lugares que os filhos frequentam e das conversas;
·       Invasão exagerada de privacidade;
·       Constante desconfiança e críticas;
·       Muitos partem até para agressão física.
Reconhece essas características em seus pais? Tente conversar com eles, caso não aceite, procure uma psicoterapia para entender todo processo e saber encarar essa situação.
Paula Espíndola
#paisabusivos #relacionamentoabusivo #paulaespindolapsicologa #insightpsique

quinta-feira, 28 de maio de 2020

LIVE 75 - Amor ou dependência emocional?


Eu mereço estar nessa relação?


EU MEREÇO ESTAR NESSA RELAÇÃO?
              A decisão de sair de um relacionamento abusivo é um passo muito difícil, mesmo que esteja sofrendo muito com essa união.
              As pessoas sofrem muito por lembrar somente dos bons momentos. Sugiro que faça um exercício, escreva os maus momentos e as péssimas recordações em que finalmente se percebeu estar numa relação altamente destrutiva e abusiva.
              Para sair do relacionamento abusivo é fundamental se fazer alguns questionamentos.
              Qual é a minha função nessa relação?
              Por que me coloco nessa posição?
              Eu mereço estar nessa relação?
              Não será fácil responder essas indagações, mas seja o mais sincero consigo mesmo.
Paula Espíndola
#lutorelacionamento #relacionamentoabusivo #paulaespindolapsicologa #insightpsique

quarta-feira, 27 de maio de 2020

Pais abusivos


Será amor ou dependência emocional?


SERÁ AMOR OU DEPENDÊNCIA EMOCIONAL?
              A dependência emocional e a certeza de que não conseguirá viver sem a presença do parceiro, deixa a pessoa cada vez mais fragilizada e acaba se tornando submissa a essa situação.
              Terminando esse relacionamento sofrerá muito, isso será inevitável, mas quando conseguir reconhecer que essa pessoa estava te destruindo será algo libertador.
              É fundamental entender que amor e dependência emocional jamais caminham juntos.
              A pessoa codependente esquece de si mesmo, se sujeita a ficar sempre em segundo plano, não tem forças para tomar suas próprias decisões, gerando um grande desequilíbrio emocional.
              Aprenda a se amar e reconhecer que é merecedora de uma pessoa que te valoriza, agrade, inspire e reconheça suas virtudes.
Paula Espíndola
#amor #dependenciaemocional #relacionamentoabusivo #paulaespindolapsicologa #insightpsique

terça-feira, 26 de maio de 2020

13 CARTA PARA PSICÓLOGA


Aprenda a reconhecer a relação abusiva


APRENDA A RECONHECER A RELAÇÃO ABUSIVA
              Deve-se tomar muito cuidado para não generalizar algumas atitudes e comportamentos inadequados no relacionamento abusivo.
              Analise se é um comportamento de uma pessoa acomodada, como por exemplo, nos afazeres domésticos ou se usa isso para humilhar e servi-lo sem se preocupar com a outra parte.
              Proponha um diálogo honesto e mostre a necessidade de ter uma ajuda com esses afazeres, mas se acha que é somente sua obrigação e não reconhece o seu devido valor, vale a pena perceber se existe algum indício de relacionamento abusivo.
              Como age em outras situações? Lembrando que é abusivo, qualquer relação que tenha insultos, xingamentos, humilhações, que podem estar através de abusos verbais, morais, psicológicos, sexuais e físicos.
#relacionamentoabusivo #abusos #relacionamentospsicologia #paulaespindolapsicologa #insightpsique

segunda-feira, 25 de maio de 2020

Reconhecendo o relacionamento abusivo


Crescimento pessoal após relacionamento abusivo


CRESCIMENTO PESSOAL APÓS RELACIONAMENTO ABUSIVO
              Quando a pessoa está emaranhada no relacionamento abusivo, não consegue enxergar a possibilidade de que terá forças para colocar em ponto final nessa relação tão dolorosa.
              Acredite! São com nossos tombos e quedas, que surge uma força interna, que nem nós mesmos sabíamos que existiria.
              Quando se consegue tomar uma decisão e sair de uma relação desastrosa e que se julgava ser impossível de resolver, leva ao grande crescimento pessoal e contribui muito para nosso autoconhecimento, onde conhecemos e aprendemos a lidar, encarar e enfrentar nossas fragilidades.
Paula Espíndola
#crescimentopessoal #relacionamentoabusivo #paulaespindolapsicologa #insightpsique #relacionamentospsicologia

sexta-feira, 22 de maio de 2020

12 CARTA PARA PSICÓLOGA


As chantagens na relação abusiva


AS CHANTAGENS NA RELAÇÃO ABUSIVA
              A sexualidade tem que ser algo prazeroso e de comum acordo, pois de nada adianta ter relação sexual sem vontade para apenas satisfazer o parceiro.
              O abusador gosta de mexer e abalar o emocional da vítima, nem que para isso use de chantagens emocionais e até sexuais.
              Gosta de ser atendido de acordo com suas vontades e necessidades e quando não é satisfeito de prontidão, sente-se desafiado e até rejeitado.
              Para reverter isso, trata a vítima com frieza e indiferença, fragilizando ainda mais a vítima, que se sente descartada tanto física como emocionalmente.
Paula Espíndola
#chantagememocional #relacionamentoabusivo #paulaespindolapsicologa #insightpsique

quinta-feira, 21 de maio de 2020

LIVE 74 - Como deixei chegar a esse ponto?


Idas e vindas


IDAS E VINDAS
              O abusador é uma pessoa manipuladora, controladora e na maioria das vezes muito envolvente, principalmente no início da relação.
              Idas e vindas no relacionamento, camuflado por falta de interesse e indiferença, essa é uma maneira clássica de ter o total controle do outro, fazendo-se sentir valorizado e fundamental para a vida da pessoa.
              Quando a pessoa tem uma boa autoestima, fica mais fácil, se valorizar e perceber que merecemos pessoas que realmente nos desejam.
Paula Espíndola
#idasevindas #relacionamentoabusivo #abusador #paulaespindolapsicologa #insightpsique

quarta-feira, 20 de maio de 2020

Por que deixei meu relacionamento chegar a esse ponto? Abusivo!


O feitiço do relacionamento Abusivo


O FEITIÇO DO RELACIONAMENTO ABUSIVO
              Muitas pessoas têm dificuldade de reconhecer os sinais do relacionamento abusivo por estarem tão enfeitiçadas e envolvidas emocionalmente, que nem se dão conta dos insultos sofridos.
              Uma dúvida muito recorrente, é que muitas pessoas acham que só é relacionamento abusivo quando existe agressões físicas e/ou sexual. Grande engano!
              O relacionamento abusivo contém vários tipos de agressões e abusos como o verbal, moral, psicológica, físico e sexual.
              Não se iluda, aceitando os xingamentos, ofensas e insultos, achando que é algo normal, é o jeito e comportamento dele. NÃO! É abuso!
Paula Espíndola
#relacionamentoabusivo #agressão #paulaespindolapsicologa #insightpsique #relacionamentospsicologia

segunda-feira, 18 de maio de 2020

Será abusivo, mesmo sem agressão física?


Como deixei meu relacionamento chegar a esse ponto?


COMO DEIXEI MEU RELACIONAMENTO CHEGAR A ESSE PONTO?
              O relacionamento abusivo traz tantas humilhações e constrangimentos, que abala o emocional de qualquer ser humano.
              Quando a vítima percebe, já está mergulhada num mar de ofensas e tantos absurdos que já nem se reconhece mais.
              Como deixei meu relacionamento chegar a esse ponto? Por que aceitei esses abusos?
              São tantos questionamentos, mas o fundamental é perceber, que finalmente está reconhecendo esse relacionamento abusivo e lutar com todas as suas forças para sair desse caos em que se transformou a sua vida.
Paula Espíndola
#pontofinal #fimdorelacionamento #paulaespindolapsicologa #insightpsique

sexta-feira, 15 de maio de 2020

10 - CARTA PARA PSICÓLOGA


O controle do abusador


O CONTROLE DO ABUSADOR
              O abusador deseja tanto ser controlador, porque na verdade não acredita em seu potencial, por isso, é necessário estar sempre controlando os passos do parceiro e desconfiando de tudo e de todos.
              A vítima abusada tem a sensação de que está sempre sendo ameaçada e vigiada o tempo todo e consequentemente fica constrangida em várias situações, embora acredite ter culpa por esses acontecimentos.
              O mais importante é perceber que a relação não pode e nem deve ser destrutiva e sim prazeroso e saudável.
Paula Espíndola
#controleexcessivo #abusador #relacionamentoabusivo #paulaespindolapsicologa #insightpsique

quinta-feira, 14 de maio de 2020

Controle excessivo no relacionamento abusivo - LIVE 73


Altos e baixos na relação abusiva


ALTOS E BAIXOS DA RELAÇÃO ABUSIVA
              Geralmente, o relacionamento abusivo começa como um “mar de rosas”, envaidecendo tanto a pessoa que até duvida ser merecedor de um parceiro tão maravilhoso.
              A relação abusiva passa por altos e baixos e isso nada contribui para um relacionamento saudável.
              A pessoa que começa a perceber que está numa relação abusiva, passa a viver amedrontada, em uma tensão constante, porque tudo pode se transformar em motivo de grandes brigas.
              O pior de tudo é que permanece o medo de perder, esquecendo que a relação jamais deve ser sufocante e aterrorizante.
Paula Espíndola
#relacionamentoabusivo #altosebaixos #paulaespindolapsicologa #insightpsique

quarta-feira, 13 de maio de 2020

Relações abusivas


Será que meu parceiro é perfeito?


SERÁ QUE MEU PARCEIRO É PERFEITO?
              Quando uma pessoa se apaixona, está encantada com o parceiro e enxerga todas as possíveis qualidades.
              E os defeitos? Será que o parceiro é perfeito? Não! Não existe ninguém perfeito, todos temos nossos defeitos, mas algumas pessoas têm mais graves e quando aparecem, podem ser altamente destrutivos.
              A pessoa apaixonada perde a noção da realidade, foca muito em sua idealização imaginária, porém cega.
              E quantas pessoas renunciam a seus sonhos, desejos, da sua própria vida para ir atrás do “parceiro ideal”?
              A desilusão amorosa pode ser muito grande, principalmente quando se trata de um relacionamento abusivo.
              Por isso é fundamental investir em seu amor-próprio e quando percebem já está entrando numa relação abusiva, esteja preparado para dar um basta nessa situação.
Paula Espíndola
#parceiroperfeito #casalperfeito #relacionamentoabusivo #paulaespindolapsicologa #insightpsique


terça-feira, 12 de maio de 2020

09 - CARTA PARA PSICÓLOGA


Os absurdos do relacionamento abusivo


OS ABSURDOS DO RELACIONAMENTO ABUSIVO
              Muitos relacionamentos abusivos trazem xingamentos, humilhações, desprezo, agressões verbais, psicológicas, sexuais e físicas.
              A pessoa abusada acredita nos absurdos, que escuta do abusador, acreditando que não será capaz de ser feliz e de ter um novo relacionamento e desta vez uma relação saudável.
              Fica a dúvida: Será possível ter relacionamento saudável após uma relação abusiva? Sim, claro que sim!
              Mas antes de envolver-se com uma nova pessoa, encontre-se consigo mesma, se ame, se valorize para depois amar alguém.
Paula Espíndola
#absurdos #relacionamentoabusivo #pessoaabusada #paulaespindolapsicologa #insightpsique

segunda-feira, 11 de maio de 2020

Altos e baixos no relacionamento abusivo


Relação abusiva entre filhos e pais


RELAÇÃO ABUSIVA ENTRE FILHOS E PAIS
              O relacionamento abusivo pode ocorrer em qualquer relacionamento, inclusive familiar, entre pais e filhos.
              O mais comum são pais abusivos, mas não é uma regra, também pode ocorrer de filhos para pais, ou seja, filhos abusivos.
              Geralmente, os pais demoram a perceber que têm filhos abusivos, preferem acreditar que esse é o jeito deles e quando percebem já está em uma situação desastrosa.
              Afinal, os pais esperam que seus filhos sejam afetuosos, companheiros e que tenha reciprocidade, mas infelizmente isso não acontece com todas as famílias.
              Em casos de filhos, procure ajuda psicológica para entender, que você tentou fazer o melhor para eles, mas cabe a cada um ver o que deseja para sua vida.
              Caso perceba que essa situação possa se agravar, procurar ajuda de amigos, familiares e até judiciais.
Paula Espíndola
#relacionamentoabusivofamiliar #entrepaisefilhos #relacionamentofamiliar #paulaespindolapsicologa #insightpsique

sexta-feira, 8 de maio de 2020

08 - CARTA PARA PSICÓLOGA


A culpa não é sua


A CULPA NÃO É SUA!
              Aceite que a culpa não é sua e sim do abusador, a única parcela de culpa que possui é não ter imposto limites desde o início da relação.
              Aprenda com o que não deu certo e se imponha desde o início em uma nova relação.
              Quando a confiança é abalada, é difícil se estabilizar emocionalmente.
              Para ser mais confiante, coloque essas dicas em prática:
·       Em primeiro lugar será necessário ter autoconfiança, assim confiando em si mesmo, ficará mais fácil e confiar nos outros;
·       Assuma suas responsabilidades;
·       Lide com frustrações do passado e vire a página desse sofrimento;
·       Tenha pensamentos positivos;
·       Invista em sua autoestima;
·       Planeje suas metas e encare os desafios da vida.
Lembre-se que a confiança é a base do relacionamento saudável.
Paula Espíndola
#culpa #relacionamentoabusivo #confiança #paulaespindolapsicologa #insightpsique


quinta-feira, 7 de maio de 2020

LIVE 72 - Relacionamento abusivo


Dificuldades encontradas para sair do relacionamento abusivo


DIFICULDADES ENCONTRADAS PARA SAIR DO RELACIONAMENTO ABUSIVO
              A decisão de sair de um relacionamento é um passo difícil.
              Foram tantos insultos, agressões e falsas promessas de mudança, que mexe com o emocional de qualquer ser humano.
              São tantas indagações: Será que mereço estar nessa relação?
              Para sair de uma relação abusiva, a vítima passa por algumas dificuldades como:
·       Emocionais: acarretando insegurança, medo de desamparo e desespero de que não conseguirá seguir em frente.
·       Econômico: que a pessoa depende do parceiro financeiramente. Deve-se ir em busca de novas soluções.
·       Jurídico: a maioria das pessoas têm grande dificuldade para denunciar as agressões sofridas nessa união.
·       Sociais: receio do isolamento social, devido a distância que muitos fazem ao se afastarem de amigos e familiares por pura imposição do agressor.
Acredite em si, não perca sua essência, saia dessa relação e transforme sua vida.
Paula Espíndola
#relacionamentoabusivo #agressão #paulaespindolapsicologa #insightpsique #relacionamentospsicologia

quarta-feira, 6 de maio de 2020

Dificuldade para sair relacionamento abusivo


Abuso sexual é crime


ABUSO SEXUAL É CRIME
              Quando se tem relações sexuais mesmo sem querer é caracterizado como abuso sexual.
              A imposição para ato sexual é um ato de pura covardia desse abusador, amedrontando a vítima, que se sente usada e fragilizada tanto física como emocionalmente.
              Esse abuso gera sentimentos negativos, deixando a vítima mais insegura e com sensações de angústia.
              Lembrando-se que o abuso sexual é crime. É imoral e perverso! Denuncie!
Paula Espíndola
#abusosexual #crimesexual #relacionamentoabusivo #paulaespindolapsicologa #insightpsique

terça-feira, 5 de maio de 2020

Reflexão "A dor de amar"


Imposição para ato sexual


IMPOSIÇÃO PARA ATO SEXUAL
              A relação sexual existe para ser fonte de prazer e satisfação para ambas as partes.
              A sexualidade faz parte de relacionamentos saudáveis, que engloba o toque, carinho, beijo, abraço, através da sedução e sensualidade de ambos.
              Quando o parceiro impõe o ato sexual, quando a outra parte não quer, caracteriza abuso sexual, mesmo que seja com seu parceiro de tantos anos de relacionamento.
              Por isso, é fundamental impor seus limites, necessidades e desejo desde o início da relação, deixando claro que o ato sexual acontecerá quando ambos assim o desejarem.
Paula Espíndola
#atosexual #sexualidade #relacionamentoabusivo #paulaespindolapsicologa #insightpsique

segunda-feira, 4 de maio de 2020

Como confiar nos outros após relacionamento abusivo?


Controle excessivo do abusador


CONTROLE EXCESSIVO DO ABUSADOR
              O controle excessivo por parte do abusador caracteriza um grande descontrole emocional.
              Geralmente, o abusador apresenta uma baixa autoestima, principalmente quando tem esse controle e ciúme excessivo, mas jamais reconhecerá isso, pois usa de seu abuso para amedrontar a vítima e assim tê-la por perto.
              Entretanto, a vítima também apresenta uma baixa autoestima, uma maneira que a deixa vulnerável a relações abusivas e consequentemente se entrega a essa cilada emocional.
Paula Espíndola
#controleexcessivo #relacionamentoabusivo #ciladaemocional #paulaespindolapsicologa #insightpsique

sexta-feira, 1 de maio de 2020

07 - CARTA PARA PSICÓLOGA


Sentimentos negativos no relacionamento abusivo


SENTIMENTOS NEGATIVOS DO RELACIONAMENTO ABUSIVO
              Quando começamos uma nova relação, desejamos que seja eterna e quando algo desastroso ocorre, fica a sensação de um vazio, por não querer que acabe, mesmo sendo dolorosa.
              Fica aquela sensação: Por que o relacionamento acabou?
              E ficam alguns sentimentos negativos quando se termina o relacionamento, que são:
·       Sensação de abandono;
·       Rejeição;
·       Raiva;
·       Tristeza;
·       Solidão;
·       Insegurança;
·       Culpa;
·       Perda da admiração;
·       Falta de desejo sexual ou libido.
Reconhece esses sentimentos negativos? Analise-os e procure ajuda profissional para lidar com esse luto do relacionamento. 
Liberte-se dessa dor!
Paula Espíndola
#sentimentonegativo #relacionamentoabusivo #relacionamentospsicologia #paulaespindolapsicologa #insightpsique